Segunda-feira, 28 de Maio de 2007

SHANGRI-LA!

"...a obra maior dos Wraygunn, um exercício de variações sobre asnormas clássicas do rock, escrito para deitar abaixo qualquer palcoque a banda pise."
**** (4/5)
João Bonifácio, in Ípsilon, Público

"...torna-se agora quase impossível passar ao lado do que, em 13 momentos inspirados, os Wraygunn querem mostrar ao mundo."
***** (5/5)
Luís Guerra, in Blitz

**** (4/5)
Tiago Pereira, in DN

"Está encontrado, provavelmente, o disco português do ano."
Pedro Figueiredo, in DiscoDigital

publicado por wraygunn às 14:37
link do post | comentar | favorito
11 comentários:
De João Mendes (jj.dmendes@gmail.com) a 6 de Junho de 2007 às 22:26
Boas!

Só uma questão rápida:

Alguém me "disse que disseram" na rádio que iam actuar a Cantanhede City, é verdade? ;) por favor digam que é verdade!!!! Eu sou de lá, podiam contar cmg na fila da frente... Já fui ver ao myspace e não ta la nada, mas fica a pergunta...

Já agora, fica a sugestão à banda e ao pessoal em geral (um bocado de publicidade à terrinha):

Neste fim de semana de 8, 9 e 10 vai decorrer, em Cantanhede, o festival de jazz Dixieland. Vai ter várias bandas espalhadas pela cidade durante os 3dias e termina com uma street parade bem porreira. Durante a noite também há concertos, nos quais se paga a entrada mas, que valem a pena. Em simultaneo ha uma feira de gastronomia aqui da zona que costuma ser um bom sítio para começar a noite.
Fica o convite, acho que vale bem a pena.

enfim, era suposto ter sido uma cena pequena mas pronto, aqui fica um mini-testamento...

um grande abraço


De wraygunn a 12 de Junho de 2007 às 22:35
Olá, João.
Não há concerto marcado para Cantanhede, pelo menos por enquanto, por isso é melhor estares na fila da frente já na sexta-feira no Via Club! ;-)
Não foi possível assistirmos ao festival Dixieland, mas obrigado pela sugestão.
Até breve!


De YoLa a 4 de Junho de 2007 às 15:47
São de facto notórias as diferenças entre Shangri-La e o seu antecessor, Eclesiastes 1.11, mas penso que essas diferenças sejam apenas o reflexo do amadurecimento da banda. Aquela sonoridade característica e inovadora dos Wraygunn remanesce.
O álbum está bastante completo e diversificado. Se por um lado temos as faixas mais energéticas às quais é impossível ficar indiferente, tais como 'Love letters from a muthafucka' ou 'Work me out', por outro temos os momentos mais calmos 'Hoola-hoop woman' ou 'Just a gambling man...' para recuperar o fôlego.
Gostei especialmente do destaque que deram às vozes femininas neste álbum. Interpreto isso como uma manifestação da vossa unificação como banda, o que me agrada bastante. E devo acrescentar que adoro as letras!
Atrevo-me a dizer que estamos perante um dos melhores registos de 2007 (se não mesmo do melhor) no panorama musical português.

Já agora, queria aproveitar para agradecer a entrega e dedicação que têm demonstrado na apresentação do disco em palco. Só é pena que o público nem sempre corresponda com a mesma energia.


Beijos para todos.
Até à próxima.



P.S.:Espero que o Sérgio já esteja recuperado!


De wraygunn a 4 de Junho de 2007 às 16:40
Olá, YoLa! Muito obrigado pelo apoio sempre entusiasmado e pela simpática e assídua presença nos nossos concertos! O Sérgio está a melhorar a olhos vistos e vai voltar em grande forma!
Beijos e até breve!!!


De voodoomachineboy@gmail.com a 30 de Maio de 2007 às 15:00
Faz tempo que sou adolador dos wraygunn, e são muitos poucos os álbums que retiram mérito de destaque ao meu eclesiastes, já não conto as vezes em que me serviu the «on the road music», além do mp3 e o demais..
E logo depois de receber o shangri-la, oiço-o e pá, não me sinto magnetizado da mesma forma que com o prévio, embora hajam umas faixas excelentissimas...
a «everything's gonna be ok» e a «hoola hoop woman» ainda não me suscitaram um gosto mediano, e aquele simplicissimo toque de country na 1ª. mencionada, faz-me ficar reticente, não gostei. Quanto aos prós, a participação do Matt Verta-Ray, apesar de discreta, quem conhece o seu trabalho, reconhece os seus rifes de guitarra, e concretamente «just a gambling man» é genial; a vocalização uniforme da letra brutal, os pequenos pormenores musicais aqui e acolá, não me deixam de remeter a faixa para um cenário noir de anos 20/ dos P.I's, ou coisa assim, só por essa faixa já valeria a compra. saliento um gosto pessoal pela «silver bullets», «love letters from a motherfuck(er)», «boom boom ah ah», e neste momento não me lembro do nome da 13, em que a Selma usa e abusa do vozeirão numa música estonteante.
Concluindo, e como nos dão espaço para as nossas apreciações criticas, não perderia oportunidade para me exprimir, principalmente pelas expectativas tão elevadas que tinha, e por ser tão fã da banda, é esse o maior facto que me faz gostar muito do shangri-la, mas não me faz o adorar.
E acho ridiculo, apesar de ser um excelente momento de maior propagação musical a nivel nacional para vocês, que agora esteja a haver uma maior atenção de marketing e de divulgação da vossa excelente música, quando há cinco anos, se não me engano havia por aí um álbum tão bom, que era o eclesiastes que não teve o mérito devido... e que não, não era possivelmente o melhor álbum a nivel nacional do ano, mas sim o melhor album do ano. ponto. e não se trata de fanboyismo estupidificado, mas é que as pessoas não sabem reconhecer uma peça de ouro quando a têm na mão. e apesar de tudo, compreendo em certa parte que o shangri-la esteja mais mainstream, além do facto de ter sido concebido duma forma mais «wraygunn» como um todo. pá, peço desculpa pela oração de fé, mas sou um dos ferverosos da música. tudo de bom, parabéns e que o futuro só vos traga do melhor.


De wraygunn a 1 de Junho de 2007 às 15:51
Muito obrigado por partilhares connosco o teu ponto de vista tão sincero. É muito bem vindo o feedback das pessoas que nos acarinham e para quem a nossa música é importante. Essa proximidade é fundamental para os Wraygunn e acredita que a cumplicidade com o público é uma das coisas que nos dá mais prazer. Cada registo em disco é um momento muito especial para quem o faz e o Shangri-La, de carácter um pouco diferente do Eclesiastes, foi feito como todo o trabalho dos Wraygunn tem sido feito, com muito fervor e sinceridade. E é isso que queremos mostrar/partilhar: que fez sentido assim para nós e que esperamos que faça também para quem o ouve.
Obrigado mais uma vez por nos acompanhares e pela tua reflexão sobre o nosso trabalho.
Até breve!


De david_pinto a 29 de Maio de 2007 às 17:04
Está tudo dito!
Estará?!


De João Mendes (jj.dmendes@gmail.com) a 28 de Maio de 2007 às 23:20
Hey!

Subscrevo e acrescento ainda que é de louvar os WRAYGUNN terem uma entrevista de página inteira no Diário das Beiras!
Ainda não vi as que estão transcritas em cima, mas vou cuscar por aí p ver s leio...

Já agora, os cartazes que vcs têm espalhados por Coimbra tão brutais, ainda por cima puseram um mesmo à entrada do Pólo II he he he...
tava para ir ao concerto da via, mas a próxima data é mesmo a meio dos exames...acho que vou na mesma;)


Só mais uma coisa: a EDIÇÃO LIMITADA não está AUTOGRAFADA(!), o que não impede que a playcout do Shangri-la já tenha ultrapassado as 20 vezes, só no meu leitor d mp3...desta vez passa...;)

um grande abraço, força aí pessoal!



De baf47 a 30 de Maio de 2007 às 09:21
Knd cmprei a minha tb tiv dificuldad em encontra oa autogrfos mas se reparares atrás do cd onde estao o nome das músicas has d encontrar as assinaturas dos Wraygunn..kuase nao s nota pk é a preto tal como certos desenhos k s encontram na contra capa!!


De João Mendes (jj.dmendes@gmail.com) a 30 de Maio de 2007 às 21:43
Eh pa, peço IMENSAS DESCULPAS à banda pela minha distracção, e obrigado por me dizeres onde estvam!!!
Realmente tive a sensação de haver uns riscos a mais no desenho da contra-capa, mas n olhei bem e n comparei com a capa da outra cópia que tenho...enfim...

mais uma vez obrigado e desculpem, agora o pack ta realmente completo!


De wraygunn a 1 de Junho de 2007 às 15:55
Ora essa... não tens nada que pedir desculpas. Ainda bem que está tudo ok com os "rabiscos"! :-)
Obrigado!


Comentar post

links

pesquisar blog

 

Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

OBRIGADO, GRANDE LOBO.

WRAYGUNN NO PORTO!

WRAYGUNN no BARCO ROCK FE...

† LES PAUL

Concerto WRAYGUNN 26 Junh...

arquivos

Novembro 2009

Outubro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

tags

todas as tags

Media Partner




Patrocinador Oficial da Tour


subscrever feeds